Saturday, November 9, 2013

Desafio




Você consegue fechar seus olhos e abrir sua mente? Vamos tentar, faça. Feche os olhos e libere a mente, deixe todos os seus desejos virem a tona. Não censure, ninguém o observa, a não ser eu... de mim você não pode se esconder.

Primeiro vamos a curiosidade, nada mais normal do que deixar esse pedaço de você fluir. Depois, vamos mergulhar mais fundo. Naquele desejo ardente de fazer diferença, ser reconhecido por isso. Seria o tradicional deixar sua marca, uma marca indelével na história. Sim, uma de suas ambições, mesmo que ainda não saiba ao certo como. Trabalha com afinco, destaca-se muitas vezes, só ainda não compreendeu como tudo isso o levará a ter um significado maior do que apenas um homem que nasceu, cresceu e morreu... Seus olhos escondem sob a nevoa esse desejo... Liberte-o, encare...

Vamos continuar a liberar a verdade. Agora seu desejo por uma mulher. O perfume, o toque suave, o calor. Você quer uma mulher que entenda sua necessidade de solidão, de ter seu espaço, sua vida, sem uma conexão tão definitiva, e ao mesmo tempo com toda conexão possível. Seria tão bom, ter alguém que compreendesse o caminho. Que fosse algo além do sexo, da posse, das cobranças... Você queria ter a liberdade do amor.. queria...

Bem, feche os olhos... liberte tudo... abra-se... deixe esse sentir entrar... deixe-me entrar... Quero explorar seus cantos obscuros, aqueles defeitos que você esconde e os que se orgulha de ter. Quero saber dos medos e das coragens que teve e tem, enfrentar em sua mente os monstros que todos nós criamos. E você os cria, sei que cria, à noite, quando o barulho das sirenes se tornam mais evidentes, quando as luzes das placas iluminadas que o circundam invadem sem pudor seu cantinho protegido... Não pense que vou me apoderar ou sequer tocar em algo, alterar... quero apenas explorar um novo mundo, um mundo confusamente masculino...

Depois, depois que eu percorrer esse caminho novo, quem sabe, minhas descobertas me levem a mais.... A tocar seu corpo com as mãos e os lábios, a levá-lo a conhecer sensações que nunca experimentou. Guardo alguns mistérios, alguns segredos que podem levar você a liberar todo o desejo que controla. Com meu jeito de criança e mulher, com essa mistura de brincadeira e prazer eu sei que poderia simplesmente levar você ao êxtase que sempre sonhou, fantasiou, desejou e nunca teve.. Poderia, posso, apenas depende de você...

Sim, depende de você encontrar o caminho até mim. Um caminho truncado, sombrio algumas vezes, excessivamente claro outras, um caminho que pode me libertar e lhe dar o que mais deseja e ainda nem sabe... Será que vai tentar? Será que saberá compreender?

Não vou impor nada, na verdade vou simplesmente deixar você de lado. Esquecer tudo e seguir por outras escolhas, outros desafios... Isso não significa que não existe chance, apenas que ela não será imposta...

Onde quer que esteja, nesse isolamento acompanhado que sempre tem... Espero que sutilmente a lembrança de minha existência se imponha e você compreenda... Apenas isso, compreenda...

No comments:

Post a Comment