Thursday, May 19, 2011

E se eu perdesse a memória, você me conquistaria todas as manhãs?



E se eu perdesse a memória, você me conquistaria todas as manhãs? Teria esse desejo de me ver sua novamente? Permitir que eu redescobrisse seus olhos, o perfume e o gosto?

Seria paciente com aquilo que sabe de mim, mas não sei de você? Como o seu prato preferido ou o que aprecia fazer pela manhà?

Se ao abrir os olhos não visse o reconhecimento, seria capaz de se apresentar e tentar me levar ao mesmo momento no qual adormeci?

Você me deixaria explorar seu corpo e alma a procura de quem você é? Ainda sabendo que essa exploração se repetirá no dia seguinte?

Como ficaria seus planos para amanhã? Afinal, amanhã começariamos de novo e de novo até um dia. Dia em que finalmente a memória recomeçaria a se assentar e o sabor de seu beijo fosse a primeira lembrança ao acordar.

Teria essa paciêncai infinita? Essa capacidade descompromissada de amar apenas por amar?

Por isso, aqui estou assustada com essa possibilidade, pensando que se me abandonasse, mesmo sem lembrar, sentiria vazio injustificável. Seria como ficar sem o futuro que fora destinado, perdida em caminhos sem saída, afinal minha saida estava em você.

Nem quero imaginar como seria. Você seguindo para outros braços, aprendendo a amar outro alguém, mesmo que no coração eu ainda habitasse. Ver seus olhsos sorrirem e desejarem outra. Pensar em suas mãos deslizando em outro corpo e os lábios dando e recebendo vida de outro alguém.

Esses pensamentos fazem imaginar que aqui onde estou, perdida de mim, esquecida e ferida, devo lutar para retornar intacta. Mas quando me esforço para isso, sinto sua mão na minha. Mesmo aqui, perdida na mente, sou capaz de sentir o toque e nesse toque o som me alcança.

Ouço sua voz dizendo, que dia após dia  lutará comigo. Que seu amor não é infinito, pois não pode ser medido. Mesmo na distancia tão próxima, sou eu que sempre preencherei seus dias e para quem todos seus sonhos e desejos se voltarão. Diz para eu voltar, não importa como. Prefere ter que me conquistar a cada dia novamente e novamente, do que me perder para sempre.

10 comments:

  1. Sabe quando alguém capta a essência da essência de algo?! Pois é... Que lindo, amiga!!! Li em silêncio. Depois reli com "Tarkanzinho" ao fundo (rs). A sua versão das coisas sempre me fascina! Sempre.

    ReplyDelete
  2. Você é incrível! Merece sim ser conquistada eternamente.

    ReplyDelete
  3. sim te conquistária todas as manhas,não pelo amor carnal e sim para vc escrever para nós o que sua alma sente!!!

    ReplyDelete
  4. Este li bem silenciosamente, como Raffa.... confesso que senti uma ansiedade muito grande, permeada de todas as emoções incertas, que o amor profundo e romântico nos traz... Ah quanta coragem há de se ter para se "jogar" ! ...... no mais, continuo a pensar..... e sentir.... bem ao estilo que a autora nos conduz :)

    ReplyDelete
  5. Que lindo :)

    Li e fiquei emocionada, pois me vi muito aqui :)

    Beijos Lunáticos :**

    ReplyDelete
  6. Não poderia esperar algo diferente. No momento em que li: E se eu perdesse a memória, você me conquistaria todas as manhãs? Meu lado emocional surgiu como que atropelando meu lado razão, dizendo... vamos digas o que farias?!!
    A ansiedade é tão desesperadora que de forma egoísta nos colocamos no lugar de quem faz a pergunta;mas temendo imaginar não ser conquistada todas as manhâs.Até...que retomamos e reagimos, indo em busca da resposta.
    Você é maravilhosa! no colocar as palavras no seu tempo e devido lugar.
    Amei, lindíssimo!! Quero dizer que foi ótimo ter lido e relido mais calmamente depois.
    Te adoro!!
    Beijos!!!
    Enfª Amélia

    ReplyDelete
  7. Medo foi o que eu senti, medo que isso aconteça e não conseguir reconquistar todos os dias o amor dele!
    muito lindo o texto, nos faz refletir muito!!

    ReplyDelete
  8. A delicadeza com que vc trabalha as palavras sempre me emociona... Vc, minha doce Heleny, é formidável!!!

    Espero que um dia meu abraço não seja somente virtual.

    Amo você!!!

    ReplyDelete
  9. Bom dia

    Este texto me faz lembrar um filme...


    bom dia

    ReplyDelete
  10. Que lindo!!!!

    Acho que deveríamos perder a memória à noite, para que nossos amados a recuperassem todas as manhãs, com amor, carinho e cuidado!

    Amei!! Só poderia vir de você...

    Beijo, querida!

    ReplyDelete