Sunday, March 13, 2011

Saudade...



Existem tantas coisas para sentir saudade. Cada um escolhe certo número delas para sentir. 


O menino sente saudade da bola. Dos momentos passados a correr atrás dela. Saudade do gol e da vibração que o leva ao pedestal de herói. Sente falta do cheiro da terra, da grama e do couro. Falta das vozes dos companheiros que o incentivam ou criticam. Sente saudade de ser jogador.


A menina cheia de saudade da melhor amiga. Aquela com quem dividiu seus primeiros tudo. Primeiro sangue, amor e beijos. Primeiro nascer e despertar de sentimento. Lembra das conversas na escola e no quarto, das fofocas e fantasias. Lembra dos planos, sonhos e chora.


O homem sente falta do menino, daquele que só pensava no hoje, e amanhã era um hoje ampliado. Falta da irresponsabilidade responsável, do tempo que era seu, da escola e das vitórias que conseguia sem que ninguém lhe disse que viver era impossível e ser feliz apenas quimera, não realidade.


A mulhar se traveste de indiferença, tudo para não lembrar o quanto sente falta dos sonhos da menina. As possibilidades que pareciam infinitas caíram na rotina de uma vida de trabalho, apenas trabalho, seja aqui ou acolá. E o romance, o amor que ela pensou conquistar não passava de imagem irreal. O homem que com quem compartilhou não era forte e acabou por se desintegrar, tal qual o papel na água da chuva. E ela ficou ali sozinha, pensando: "o que será?"


Saudade de tudo. De ontem e de amanhã, pois hoje não deixa muito, apenas um gosto de desilusão e inacessibilidade.


A saudade que não deveria ser assim., pois saudade se deve sentir sim, mas do que se fez e não do que se deixou de fazer. Saudade de como era simples e fácil encontrar o caminho mesmo que fosse aquele que levava ao campo ali na esquina. 


Eu sei quando falo, pois saudade também sinto. Sinto saudade de você, desde o cheiro até o gosto. Saudade que dói, mas que fala do quanto estivemos juntos. Saudade de tudo que fizemos, das descobertas e aprendizado. Saudade de fazer amor no fim da tarde ou no começo da manhã. E dessa saudade não me incomodo, afinal ela diz que apesar de estamos longe o amor não acabou e como prova disso ele frutificou.


Saudade que me faz viva, mulher completa e feliz. Saudade de poder amar alguém que ama a mim.

4 comments:

  1. As vezes se sente saudade do que ainda não se viveu... ainda do que não se sentiu....

    ReplyDelete
  2. Que lindo texto!! Sentimos tantas saudades, de momentos que se eternizaram e que permanecem conosco.Saudade é um sentimento gostoso, pois só acontece quando algo valeu a pena. Parabéns! Beijo @so_masacama

    ReplyDelete
  3. A saudade comprova o quanto se viveu, cada fase, cada momento, todo passado. O sonho é a saudade do futuro. Como será bom viver cada sonho. Tanto a saudade quanto o sonho, mais frutificam quanto mais se tem com quem rapartir...Parabéns, Heleny.

    ReplyDelete
  4. Saudade que esta na lembrança, de algo que valeu a pena. Saudade do gosto,cheiro e o toque. do som dos sorrisos que não se perderam por estarem escritos, nas linhas de nossa história.

    Parabéns pelo texto.

    MarquesK

    Só o Rock Alivia

    ReplyDelete