Friday, December 10, 2010

Amor e Amor



O amor é um mergulho do mais alto penhasco. É saltar no espaço sem pensar onde está o chão. Amor é sentimento? É energia? O amor é apenas agonia da tristeza que trazemos no coração.

O amor toma, transforma, engrandece, se isso não faz, não é amor apenas parece. E se dói, é porque não compreendemos; se entristece, é por não sabermos, que o amor deve ser seu e não a posse de alguém.

O amor acorda cedo, preenche o dia com sussuros de desejos. Desejo de estar perto, desejo de ver feliz, desejo de poder tocar, de entrar e ficar, escondido naquele canto perto do coração, dentro da mente, no fundo da alma.

O amor passa o dia sorrindo. Sorri dos obstáculos, das dificuldades, sorri de tudo, pois sabe que no fundo, sua força os transcenderá. O amor é forte, corajoso, possui discernimento e conhecimento. Caso assim não seja não é amor, é tormento.

O amor vê os olhos e a mente. Enxerga no infinito a beleza por quem sente. O amor abre portas e janelas. Traz luz e direção. Amor é vida, paciência, calma e perdão. Amor seja como for, por um amigo, um irmão, ou ainda o amor que você sabe que ficará para sempre em seu corpo e coração, é aquele sem o qual você não existe, não é  humano e se persiste em não sentir, termina vazio, na escuridão.

Amor assim, que sinto por você. Que mesmo na distância me faz compreender, que as ações que tomo, as palavras que profiro, são reflexos de quem sou, preciosos indícios do que trago no coração. Não havia percebido, o que me disse então: “Neste mundo não existe pessoa, que mereça menos sofrer do que você. Você tem um diamante no coração.” Surpresa, pois sempre fui assim, querendo tocar e mudar, amar e deixar em todos um pouco de mim.

E eu que amava você, sem cobranças, sem medos, amava, simples assim. Fiquei tocada por perceber que você também amava a mim. Um amor livre, completo e complexo. Amor que assume o caminho escolhido sem disfarce e desculpas. Amor entre um homem e uma mulher. Amor raro neste mundo, onde tudo é apenas desejo e adeus. Amor que você me dá do amanhecer ao anoitecer e que retibuo a cada segundo do meu viver.

Amor que aprendemos dia a dia a reconhecer, amor que comparilhamos com amigos, família, com quem quiser um bem querer. Somos melhores e maiores, felizes e fortes, tudo porque você ama a mim e eu a você.



4 comments:

  1. Foram as melhores palavras que já li definindo o amor. Heleny vc é muito abençoada e iluminada. bjs amiga linda!

    ReplyDelete
  2. Realmente lindo. Deixo que este adjetivo mostre toda a sua intensidade.

    ReplyDelete
  3. "...E eu que amava você, sem cobranças, sem medos, amava, simples assim. Fiquei tocada por perceber que você também amava a mim..."

    Ô amiga,você tem sorte...quem me dera,quem me dera... :)

    Lindo,lindo,lindo meeeesmo!!!Parabéns

    ReplyDelete