Monday, October 25, 2010

Você



Você. Sempre lembro de você. O mundo lembra você. Isso é inacreditável. Inexplicável. Em tudo que vejo, experimento, aprendo ou ensino está você. Como se cada parte do meu universo tivesse um pouco de você.

Lembro quando o vi pela primeira vez. Sorrindo discretamente, amável com uma desconhecida. Lembro que abriu infinitas portas, inúmeras opções para conhecer e saber. Através de você saí do casulo, transformei-me  e ensaiei meu primeiro vôo.

Com você andei sobre o mar, pensando em tempos antigos. Sentindo o sopro daquela sabedoria em minha alma. Os antigos eram sábios, alimentavam o corpo e a alma do povo. Sabiam que quem tem fome não se importa em aprender ou orar. E foi você que me trouxe de volta ao presente. Falando do que há de bom e não tão bom atualmente. Dizendo que cada vez mais o outro não importa, que ninguém sabe onde está.

Você me mostrou Deus. Um Deus benevolente, completamente protetor em relação a sua criação. Deus que espera que cada um faça sua parte, ame, simples assim. Foi com você que ouvi o som do chamado. Com você aprendi a respeitá-lo e sentir o coração repleto de um amor forte e corajoso.

Foi a seu lado que subi montanhas. Naveguei pelos rios. Sobrevoei planícies. Com você e somente você, compreendi que quem ama dá liberdade e não coloca em cativeiro seu amor. Posse é para objetos, posse não tem nada a ver com amor.

E você me deixou falar. Ficar calada e aprender. Apresentou um mundo novo, sob perspectiva simples. Permitiu tudo a mim e me deixou dar tudo a você.

Você de olhos que gritam. Boca que cala. Mãos firmes. Corpo rijo. Sempre presente, protegendo e sendo protegido. Em você descobri muito de mim. Por você dei o passo seguinte e me tornei melhor.

É você que me vem a mente pela manhã a luz do sol. É você que está a meu lado debaixo das estrelas, quando a lua já se deitou. Você dá sentido a meus pensamentos. Motivo ao meu querer. Você e só você me faz pensar em superar o mais complexo obstáculo. Você e mais você.

A verdade é que não sei onde você está, ou melhor sei sim: você estava, está e sempre estará em mim.

3 comments:

  1. A verdade é que não sei onde você está, ou melhor sei sim: você estava, está e sempre estará em mim.

    ReplyDelete
  2. A verdade é que não sei onde você está, ou melhor sei sim: você estava, está e sempre estará em mim.mto bom...e hj to tao emotiva,ate chorei lendo!

    ReplyDelete
  3. Depois que você chegou! Se aconchegou! Só quero tè-la em meus braços e nos meus abraços, há todo instante!

    ReplyDelete