Thursday, September 16, 2010

Adeus


Estou sentada aqui na beira da cama. Olho para fora e vejo o céu, as árvores e o lago. Chegou a hora. É agora.

Fecho os olhos e relembro. Não, na verdade sinto de novo. O momento em que nossos  olhos se apaixonaram. Quando eles perceberam que deveríamos estar e ser, juntos, você e eu. E antes mesmos que percebêssemos, foram nossas bocas que disseram: “Vem” e nós fomos.

Pouco a pouco fomos aprendendo um sobre o outro. Seus olhares sobre o mundo, sonhos e buscas. Suas fantasias e desejos. Seu mundo cheio de trabalho e planejamento. Sua familia. Você.

E eu? Eu fui sumindo. Me escondendo em você. Perdendo tudo que tinha. Tentando sobreviver em outra pessoa. Sobreviver em você.

Foram seus momentos. Suas falas. Foi sempre você e nunca eu. O tempo todo eu lutando para explicar e contar. Você fechando os olhos, tapando os ouvidos e depois dizendo: “Não, não é assim.” Mesmo sem saber.

E pouco a pouco, aquilo que nossos olhos diziam. Sobre amor, querer e ser, foi sendo substituído pelo vazio. Não percebi. Você não viu. E continuamos sem compreender. Lutando com falsas intenções. Falando inverdades. Procurando justificar as dores e medos. Tentando fingir que era você e eu.

Muito tempo passou. Eu consegui me redescobrir. E você tentou entender que eu precisava ser eu. No entanto algo aconteceu. Imprevisto. Dolorido. Aquilo que deveria ser bonito, infinito tinha acabado. Sumido.

E aqui estou. Sentada na beira da cama. Com tudo em seu lugar, menos eu. Finalmente decidi. Abri a porta para a coragem. Descobri que posso de novo sentir. E assim, fica aqui. Meu respeito. Carinho. Admiração. Só que não faço mais parte. Não sou mais seu par. Esse, esse é nosso adeus.

2 comments:

  1. A paixão é algo que marca a vida da gente. ela inicia como algo inacreditável. Uma coisa muito maior que a gente, ficamos pequenos, as vezes deixamos de existir. depois ela termina e ficamos feridos. Dai lembramos que existimos, que temos algum valor.

    Parabéns pelo texto

    MarquesK

    ReplyDelete
  2. Acho que vou dizer "adeus" também... :(

    ReplyDelete