Thursday, August 19, 2010

Não apenas eu


Eu gosto de você,  não, eu amo você. Mas as vezes fico pensando como esse amor pode ser só meu,  um amor singular e não plural. Monólogo de minha alma com a sua. Meus olhos e os seus se tocam, mas são os meus que ficam os seus fogem.

Amo você. Seus olhos que espreitam em volta enquanto conversamos. Suas mãos agitadas no teclado do computador. Sua voz. Ah! Sua voz me acorda a noite e fico ouvindo as palavras que transporta a minha mente para um local perfeito,  perto de você.

Amo você porque quero. Você não pediu, apenas existiu para que o amasse. Foi simples assim, mais simples que o nascer do sol. Inexplicável como o mundo que nos cerca.

Entretanto hoje me sinto estranha por ter esse amor.

Estranha por não saber se ele tem sido bom para você. Acredito que amor tem que ser bom, fazer bem, construir. E o que temos construído?

Você está ai eu aqui. Eu lhe dou atenção. Carinho. Saudade. Beijos. Você, bem, você não tem tempo para essas coisas. Assim, de vez em quando me dá suas palavras. Eu as aceito e vibro com elas. Minha mente passa dias a degusta-las, relendo suas palavras, como se fosse você ali comigo. As mãos em meu cabelo, os lábios nos meus e sentar no sofá ouvindo nossas músicas. Ensinar e aprender com você. Criar algo juntos.

Mas tem faltado os gestos. Pequenos, simples, aqueles que fazem a diferença. Um diamante, eu posso comprar ou ganhar de alguém, mas atenção só de você. Falta o carinho da surpresa, de parar tudo e ligar só para dizer: Eu te amo. Falta a presença, seja em um cartão, uma rosa ou pessoalmente. Falta tudo, para que eu e você sejamos dois e não apenas eu.

4 comments:

  1. Lindo... maravilhoso....

    Poesia para ler e reler, porque a cada lida, algo se revela... Um sentimento novo... uma advertencia necessaria...
    Obrigado por me brindar com suas poesias inteligentes, amorosas e sensiveis.

    Beijo no seu coração

    Paulo

    ReplyDelete
  2. ... As mãos em meu cabelo. Os lábios nos meus. Sentar no sofá e ouvir nossas músicas. Ensinar e aprender com você. Criar algo juntos. ...


    Lindo Amiga!!

    Seus textos me enchem de um sentimento de ternura, se saudade, de reflexão.


    Beijo p vc!

    ReplyDelete
  3. Henly, mais uma vez você me fez chorar e pensar, sentir...Cada palavra que você escreve toca o fundo da minha alma, cada pequeno gesto seu significa um grande amor para mim!
    AH estes pequenos gestos fazem tanta falta na vida, a gente chega até a morrer um pouquinho por dia sem eles...
    Obrigada pelos textos tão lindos, espalhe seu dom de captar sentimentos e traduzi-los em palavras, você a cada dia está semeando um mundo melhor e fazendo pessoas serem melhores!
    Adoro você!
    Claudia

    ReplyDelete
  4. Você está ai eu aqui. Eu lhe dou atenção. Carinho. Saudade. Beijos. Você, bem, você não tem tempo para essas coisas. Assim, de vez em quando me dá suas palavras. Eu as aceito e vibro com elas. Minha mente passa dias a degusta-las, rele-las. Suas palavras, como se fosse você ali comigo.Bacana de mais isto adorei esta parte.
    Não sei o porque mais mexeu comigo.

    ReplyDelete